Pode vir, frio, que eu estou fervendo

O frio no Rio de Janeiro tem sido de matar nesta última semana.

É lógico que, por frio, eu quero dizer 15ºC (40ºF), o que seria facilmente uma primavera canadense. Ainda assim, é frio o suficiente para que a maioria esmagadora das pessoas nas ruas estejam atochadas em seus casacos. Acordei hoje diante de centenas de tweets sobre o quão frio está o clima, e até um trending topic bastante popular.

Em cima disso, o inverno brasileiro tem o bônus da inversão térmica, que faz com que todos nós, portadores de alergias e doenças respiratórias, gastemos nossas existências na tentativa fútil e desesperada de respirar. Também choveu quase todos os dias, tornando nossas janelas em pinturas bastante tristes a se contemplar no início da manhã. Levantar-se para cumprir a missão freiriana de transformar o mundo tem se tornado cada vez mais difícil de concluir.

Tenho desperdiçado várias horas por dia na permanente tentativa de levantar e trabalhar. Em especial, a temperatura do meu corpo começa o dia tão baixo que quase não consigo sentir meu próprio calor quando acordo. Temperaturas físicas mais baixas têm sido associadas com sonolência já há algum tempo, de forma que se aquecer de manhã deveria ser uma prioridade. No Canadá, eu possuía um aquecedor que fazia meu quarto parecer uma filial do inferno de manhã, mas, infelizmente, ele já não passa de uma lembrança. Comprar um aquecedor no Brasil é uma estupidez, já que só poderia usá-lo durante algumas semanas ao ano. Em vez de reclamar do frio como meus compatriotas, decidi usar esta oportunidade para testar algumas coisas e ver o que eu consigo aprender. 

Fiz uma busca rápida e elegi os seguintes como objetos da minha experiência:

Cafeína

Sim! Se você é um dos meus cinco leitores fiéis, sabia que ela estava a caminho. A cafeína é o principal ingrediente ativo da maioria dos suplementos termogênicos, além de ser barata e fácil de ser adquirida, armazenada e ingerida a qualquer momento. Eu já tomo 200mg todos os dias e não estava vendo resultados decentes. No entanto, hoje, antes de trabalhar, consumi mais 200mg + 100mg de L-teanina e a melhora no humor foi repentina. A combinação funciona porque a L-teanina potencializa as ações positivas da cafeína (aumento de foco e energia) ao mesmo tempo em que reduz significativamente seus efeitos colaterais (aumento da pressão arterial e da ansiedade). Então, para amanhã, vou testar uma combinação de 400mg / 200mg e anotar os resultados. É uma dose segura, portanto, o risco é bastante pequeno para o provável benefício de se levantar o mais rápido possível.

Pijamas

Particularmente, detesto usar roupas pesadas para dormir, mas  pode ser uma solução temporária razoável. Então, a idéia é ficar cansado o suficiente para adormecer rapidamente e usar roupas o suficiente para me fazer suar como uma torneira. Provavelmente não conseguirei fazer isso hoje, mas vou dar um jeito em breve, prometo.

Bebidas quentes

Para muitos, esta é a opção mais óbvia e provavelmente parte da rotina diária. Para mim, no entanto, aquecer uma bebida requer muita preparação. Se pudesse me levantar a tempo de fazer café quente, também poderia me jogar debaixo de um chuveiro fervente, o que seria inegavelmente mais eficiente em me aquecer. Portanto, meu objetivo é tomar uma bebida quente no momento em que acordo, antes de sair da cama . A solução mais fácil, lógico, será conseguir uma máquina de café para o meu quarto. A dúvida que fica é se sou capaz de fazer café no escuro e cego de sono, mas não há muito risco de me queimar, creio.

Conclusão

Está frio para caramba, mas esta semana é crucial para o trabalho, a faculdade e o Projeto, então não posso me dar o luxo de deixar as responsabilidades acumularem. Bota lenha nessa fogueira e vamo que vamo!


 

Comentários

Não há comentários no momento.

Novo Comentário